topo

Postado em 05 de Outubro de 2018 às 14h02

Mensageiro Seguro 968

Institucional (30)
Certa Corretora de Seguros e Certificação Digital - Chapecó/SC Dicas para falar em público A comunicação é uma das principais ferramentas do ser humano e, quando bem utilizada, pode trazer grandes...

Dicas para falar em público

A comunicação é uma das principais ferramentas do ser humano e, quando bem utilizada, pode trazer grandes benefícios. Ter a propriedade de falar para uma plateia é uma dessas vantagens. Porém, muitas pessoas não conseguem administrar o nervosismo, a respiração ou a organização de ideias para esse momento e, como resultado, o medo de falar em público raramente é superado.
"Existem maneiras de aumentar a confiança diante dessa situação. Falar de uma forma lógica e que atinja o seu público pode parecer difícil, mas, com o método certo, você pode aprimorar essas habilidades", explica Reinaldo Passadori é especialista em Comunicação Verbal e CEO do Instituto Reinaldo Passadori de Comunicação Verbal.
Para aperfeiçoar essa habilidade, Reinaldo Passadori separou seis (6) dicas que mostram como falar em público é uma questão de estratégia:
1. Observe outras pessoas experientes: Pesquise vídeos de pessoas que são boas em oratória e analise a organização do discurso, a postura, a linguagem corporal — o movimento das mãos, principalmente — e o tempo de fala. Analisando os padrões, veja o que pode ser positivo ou negativo para você.
2. Tenha domínio sobre o assunto: Se você foi o escolhido, é porque deve ter conhecimento sobre o assunto. Então, procure manter pensamentos positivos e passe transparência para os ouvintes. As pessoas estão ali para saber mais sobre o seu tema e para ouvir a sua experiência. Não perca o foco no objetivo e, ao chegar em frente ao público, não fique ansioso para começar.
3. Saiba administrar o ritmo de sua fala: Tenha uma linguagem clara, opte por frases curtas e por um ritmo mais suave, transmitindo segurança e credibilidade. Ao falar com o público, você precisa alternar o ritmo, o tom de voz e a harmonia. Lembre-se, também, de conter alguns vícios, como as palavras vazias “eee” ou “ããã”. Outro ponto importante é pronunciar as palavras com emoção, envolvendo quem escuta com o discurso.
4. Aprenda a controlar o nervosismo: Essa é uma estratégia que pode parecer a parte mais complicada, mas a respiração e o modo com o qual você se prepara para a apresentação, antecipadamente, são essenciais para obter êxito nessa tarefa. Quando se expira e inspira rápido demais, áreas do cérebro são ativadas e estimulam a hiperventilação, funcionando como uma técnica de autodefesa do corpo para que ele busque retomar o equilíbrio. Faça exercícios de controle da respiração desde o início. Assim, o seu corpo já estará dominado e, ao entrar no ambiente de fala, você se sentirá muito mais à vontade.
5. Tenha um roteiro e ensaie: É importante estabelecer um roteiro para que você se sinta mais confiante ao falar. Uma dica é gravar-se. Ao ver e ouvir a si mesmo, você terá noção de sua performance. Outra opção é você se apresentar para seus conhecidos e pedir por críticas construtivas sobre sua linguagem corporal, seu tom de voz e sua expressão facial. Além disso, o ensaio permite que você defina melhor e memorize a mensagem que deseja passar. Não decore o que está escrito ao pé da letra: ensaie e transforme a mensagem em uma conversação ampliada.
6. Invista na conclusão do discurso: “A primeira impressão é a que fica”. Em uma apresentação, isso funciona bem, mas, tão importante quanto, é a impressão final. Acredite: nesse caso, a conclusão será até mais forte. Sendo assim, estruture e ensaie muito bem a sua conclusão. Não termine sua fala dizendo “era isso o que tinha para dizer”, mas, sim, propondo uma reflexão. Enfatize os pontos mais relevantes, agradeça ao público e procure manter uma boa expressão corporal e facial ao final da fala. Fonte: SEGS.com.br

Certificado Digital entra em sua segunda fase

O segmento da certificação digital, que numa primeira onda ficou atrelado ao cumprimento de obrigações com o governo, se prepara agora para uma nova fase, de grande expansão.
Vivemos num mundo movido pela novidade das tecnologias e o certificado digital, que é a identidade digital de pessoas jurídicas, é também, cada vez mais, das pessoas físicas. Há tempos entendemos que é muito interessante o caminho da assinatura digital e do certificado por parte das empresas, não só para cumprir essas obrigações, mas para uso em diversas tarefas do dia a dia.
A partir da utilização da assinatura digital que o certificado digital permite, é possível implantar uma nova cultura empresarial. Desde o controle de acesso na entrada da empresa à manipulação de estoques, relacionamento com fornecedores e clientes, tudo pode ser feito de forma segura e sem o uso de documentos físicos.
Planejamento, gestão financeira, contratos. De um complicado plano estratégico ao simples envio de um e-mail, tudo pode passar a ser regulado pela certificação digital, com rastreamento do autor ou autores das ações.
A convergência do mundo real com o digital é inevitável. Nos últimos quinze anos o setor emitiu em torno de 10 milhões de certificados digitais válidos. Agora, estamos prontos para entrar em um novo patamar, sair das aplicações públicas e entrar em novas fronteiras, ajudando as empresas e as pessoas físicas, e não só os contadores, a dar uma conotação positiva a esta ferramenta.
A ampliação do uso do smartphone fomenta um choque cotidiano na maneira de fazer as coisas e os negócios. Um bom exemplo nesse sentido se deu no Poder Judiciário. No início da certificação digital, há mais de uma década, era preciso explicar muito como funcionava o sistema. Hoje, é inconcebível que um juiz, promotor ou advogado ignore a forma de atuar no meio virtual.
Outro segmento que tem crescido nesse sentido é o voltado aos profissionais da saúde. Com a adoção dos prontuários eletrônicos, que permitem acompanhar todo o histórico do paciente, tratamentos e medicações. Todos estão atuando de forma mais segura, rápida e prática.
Um ponto destacado se dá a partir de novembro, quando o e-Social será exigido a um rol de milhões de empresas. Por que não aproveitar o momento e ampliar o uso, implantar uma ferramenta que permite reduzir custos e, o que é melhor, atuar em níveis de segurança altíssimos, que só a certificação digital permite?
Na primeira fase, a certificação digital tornou os sistemas menos sujeitos às fraudes, facilitou envio de relatórios, o pagamento de tributos, entre outras coisas. Aos poucos, novas funções estão sendo agregadas.
O controle que pode ser implantado com a ajuda do certificado digital: - permite eliminar gargalos e desperdícios; - acaba com a necessidade de se manter arquivos físicos e espaços para a guarda de documentos; - elimina o deslocamento e contratação de mensageiros para a assinatura de documentos e contratos, assim como a necessidade e o custo de cópias autenticadas e reconhecimento de firmas. Mais do que tudo isso, reduz a burocracia própria nos relacionamentos empresariais e públicos, a vida fica mais fácil e permite aos conglomerados a dedicação integral à atividade core. Fonte: Inova


A curiosidade de um bom perito

Em uma tarde de sexta-feira de dezembro de 1995, após uma jornada de trabalho, já iniciando o fim de semana e o merecido descanso, percebi um movimento estranho no canteiro de obras existente em frente à minha casa, um ruído de retroescavadeiras e um movimento de caminhões caçambas fora do normal.
Por óbvio, que a minha curiosidade e o meu instinto de perito me colocaram em ação novamente ? e até esqueci o fim de semana que se avizinhava. Peguei a minha máquina fotográfica e dois rolos de filme de 36 posses (lembram disso?) e me fui à “campo”, como os engenheiros gostam de dizer na minha terra, para vistoriar a obra na medida que tivesse acesso e proceder um relatório fotográfico.
Não tive acesso ao interior do canteiro da obra, mas a partir de um terreno baldio e do pátio das residências de vizinhos que me permitiram acesso, pude perceber que estavam executando uma profunda e extensa escavação, aparentemente além do recomendável, sem os devidos cuidados e proteções. Naquelas circunstâncias, qualquer engenheiro, inevitavelmente, pela sua natureza e formação, pensaria nas consequências nefastas de se executar serviços tais quais àqueles que estavam sendo executados em condições de risco. Comigo não foi diferente, imediatamente, pensei que aquelas extensas e profundas escavações trariam acomodação do solo em toda a região, modificação do nível do lençol freático, recalques diferenciais, etc. e, em consequência, como não havia os devidos escoramentos e proteções dos prédios vizinhos, os mesmos sofreriam abalos e danos de grande importância e monta.
Já na manhã de sábado, meu lazer e descanso foi interrompido pelos vizinhos que, sabendo que sou engenheiro perito, me “pediram socorro”. Lá fui eu, novamente, periciar os imóveis no entorno. Em resumo, todas as residências e edifícios vizinhos sofreram danos e abalos, em maior ou menor grau, em sua maioria decorrente de recalques diferenciais. Um edifício inclusive foi interditado pela prefeitura municipal em decorrência de meu laudo e posteriormente condenado e demolido.
A partir de então, houve muitos desdobramentos. O primeiro deles foi a longa interdição da obra, tentativas de acordo de indenização, processos judiciais etc. Muitos laudos e pareceres técnicos foram desenvolvidos na fase administrativa e na fase judicial até a total solução da lide, muitos elaborados por mim e minha equipe. Enfim, a curiosidade de perito me colocou na hora e no local correto o que propiciou novas oportunidades e vivência profissional.
Este case se presta, também, para demonstrar a importância do laudo cautelar de vizinhança, procedimento altamente recomendável que precede o início da obra e que consiste na análise desta, dos serviços que serão executados e nas caraterísticas construtivas e no estado geral das edificações vizinhas, e que tem por objetivo a mitigação de riscos como estes ora historiados, através de recomendações técnicas de natureza preventiva. Fonte: Segs - Luciano Blessmann, engenheiro e diretor da Lautec Assist

Certificado Digital reduz a burocracia do dia-a-dia

Desde a implantação do Certificado Digital, são inúmeras as iniciativas no sentido de promover a celeridade da economia e desburocratização das relações. Em setembro, por exemplo, foi noticiado que todos os Departamentos de Trânsito (Detrans) do País terão obrigatoriamente que emitir a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) Digital. Uma informação importante é que as pessoas que possuem certificado digital válido podem fazer a solicitação sem a necessidade de comparecimento a uma das unidades de atendimento do Detran.
Ou seja, se a pessoa tiver certificado digital, o pedido é feito diretamente no portal do Denatran. A nova medida tem por objetivo, segundo o governo, reduzir as fraudes e padronizar a emissão do documento em todo o País.
O Certificado Digital tornou-se a infraestrutura de conexão universal em muitos segmentos e todos os dias surgem novos aplicativos que destravam a economia e tornam mais fácil a vida de pessoas físicas e jurídicas. Vamos alinhar alguns desses benefícios. Com a utilização da Certificação Digital as transmissões de informações ao governo sobre a empresa e seus empregados se torna mais simples. Por esse instrumento também se emitem as notas fiscais eletrônicas desde 2006, com a componente positiva de se economizar a derrubada de árvores necessárias à produção de papel. São 80 bilhões de páginas economizadas nesse período e a natureza e a sociedade agradecem.
Com a Certificação digital, que tem validade jurídica plena, é possível assinar contratos e documentos e abreviar as etapas de contato entre empresas e seus clientes e fornecedores, assim como para pessoas físicas, já que é possível assinar um contrato de qualquer parte do mundo de forma rápida e eficiente. Com essa infraestrutura se está eliminando uma série de procedimentos burocráticos e promovendo redução do tempo antes gasto. Como os processos são eletrônicos, são eliminados o custo com papel e outros insumos, como tintas e impressoras. O armazenamento de documentos e cópias também dispensa a guarda, que passa a ser eletrônica, gerando maior espaço físico às empresas.
Os empresários que já entenderam essas possibilidades do Certificado Digital, da assinatura digital, perceberam o quanto esse instrumento facilita o dia a dia e reduz custos. Quando foi anunciado, havia grande dificuldade de implantação, como ocorre com toda novidade. Hoje, o sistema judiciário brasileiro, por exemplo, é totalmente digital. Todos os juízes, promotores e advogados se valem do certificado digital. O mesmo tem ocorrido em outras categorias, como contadores e médicos. Estes últimos têm experimentado a implantação dos prontuários eletrônicos dos pacientes, com vantagens excepcionais, como maior confiança e celeridade no sistema.
Há tempos o Certificado Digital faz esse papel, de facilitador de relacionamentos empresariais e pessoais. Com ele se evita gastos com deslocamentos e mensageiros para o envio de contratos em papel e os prazos passam a ser bem menores. Não é necessário reconhecimento de firmas, autenticações etc. As práticas administrativas ganham agilidade e as pessoas podem se dedicar mais às estratégias de sua atividade. Fonte: E-commerce News

Saúde
Não pare

Exercícios físicos regulares e atividade mental (leitura, aprendizado de idiomas, etc) ajudam a tirar o foco excessivo das emoções negativas.

Orientação segura
Qual é a cor da sua vida?

A vida é um acontecimento que merece ser comemorado. Há cada dia, a cada instante, ela se renova generosa nos pequenos espaços. A vida é miúda, feita de pequenas partes. Viver é construir um mosaico, parte por parte, dia após dia. A beleza de um momento unida à tristeza de outras horas passa a ocupar o mesmo espaço no quadro. As cores se misturam e se arquitetam em busca da harmonia tão desejada.
Há dias em que as cores são frias... a vida pede calma, silêncio, pausas... Há dias em que as cores são quentes... a vida rompe com toda forma de calma... Não suportaríamos permanecer em um só lado dessas possibilidades. O que nos torna felizes é justamente a dinâmica que nos envolve com suas eternas variações.
A vida é semelhante à trama dos teares. Fios se entrelaçam para construírem juntos o mesmo tecido. A diferença das cores é que garante a beleza final do tecido... Ninguém pode saber o que é a felicidade, se ainda não tiver passado pela decepção. Só pode saborear bem a vitória aquele que já sentiu o amargo da derrota. O avesso é repleto de ensinamentos, a vida também... Padre Fábio de Melo

Ação positiva
"Pense duas vezes antes de não dizer nada." Lawrence J. Peter

Veja também

Mensageiro Seguro 97019/10/18 DPVAT – Grandes grupos financeiros lucram com indenizações congeladas há 11 anos O seguro DPVAT (Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Vias Terrestres) foi criado em 1974, por meio da Lei nº 6.194, em substituição ao Recovat (Responsabilidade Civil Obrigatória de Veículos Automotores Terrestres), instituído em 1966,......
Mensageiro Seguro 95923/08/18 A vida no piloto automático e as compulsões                   Falta muito para que possamos dizer que conhecemos os detalhes do funcionamento do psiquismo......
Mensageiro Seguro 98028/12/18 Quão pesada é a sua bagagem? Imagine carregar uma mochila cheia de pedras por onde você for. Isso é cansativo! Isso dá um novo significado à frase “fazer o trabalho pesado. Se o peso dessa mochila parece......

Voltar para Blog